Blog Saúde e Bem Estar Emporium

Ácido Pirúvico 98%


O que é


O Ácido Pirúvico, um ácido α-ceto, é considerado um potente agente para peeling químico, pois possui rápida e profunda penetração através da pele, devido ao seu baixo pKa e sua pequena dimensão. Apresenta ação queratolítica, antimicrobiana e propriedades sebostático, bem como capacidade de estimular a produção de novos colágenos e formação de fibras elásticas.


O peeling químico consiste na aplicação de um agente químico para a pele, o que provoca a destruição controlada de uma parte ou a epiderme inteira, com ou sem a derme, levando a esfoliação e a remoção de lesões superficiais, seguida da regeneração de novos tecidos epidérmicos e dérmicos. O resultado é a melhora da aparência da pele, da pigmentação irregular, de cicatrizes superficiais e minimizando rugas.

Benefícios:

  • Significativa redução do grau de pigmentação dos pacientes com melasma, significativo aumento da elasticidade da pele e melhora do grau de rugosidade em todos os pacientes.

  • Proporciona textura mais suave, rugas menos evidentes e clareamento visível da hiperpigmentação (sardas e lentigines), demonstrando eficiência no tratamento de fotoenvelhecimento.

  • Remissão completa ou parcial das lesões da acne foi alcançada em 90% dos pacientes. Além disso, reduções significativas da produção de sebo foram verificadas.

Propriedades:

O ácido pirúvico é um ácido alfa-ceto que é convertido sob condições fisiológicas para o correspondente alfa-hidroxiácido, ácido láctico, um dos umectantes naturais mais eficazes para a pele.


Concentração de Uso 40% a 70% em água ou etanol (peeling superficial a médio).

Indicações:

  • Fotodano moderado;

  • Acne inflamatória;

  • Pele oleosa;

  • Verrugas;

  • Ceratose actínica;

  • Rugas finas;

  • Alterações textuais;

  • Discromias difusas.

Vatagens da utilização Eritema muito leve; Descamação leve; Pode ser utilizado em Fitzpatrick tipo de pele

Desvantagens da utilização Intensa sensação de formigamento e queimação durante a aplicação; É necessária neutralização;

Os vapores liberados podem ser irritantes à mucosa e provocarem enjoos.

Contraindicações: História de infecção por Herpes simplex recorrente, gravidez e pacientes que necessitam de exposição solar diária.

Sugestão de Fórmula: Peeling de Ácido Pirúvico

  • Ácido Pirúvico 50%

  • Propilenoglicol 5%

  • Etanol QSP 30ml

  • Aplicar sobre a face após higienização. Deixar agir por 1 -3 minutos.

  • Neutralizar em seguida.

Para mais informações, ligue para (48) 3344-6060 e fale com um de nossos farmacêuticos ou mande uma mensagem por aqui.

Consulte sempre seu médico dermatologista.

Literatura consultada: 1. Khunger N; IADVL Task Force. Standard guidelines of care for chemical peels. Indian J Dermatol Venereol Leprol. 2008 Jan;74 Suppl:S5-12. 2. Berardesca E, et al. Clinical and instrumental evaluation of skin improvement after treatment with a new 50% pyruvic acid peel. Dermatol Surg. 2006 Apr;32(4):526-31. 3. Ghersetich I, et al. Pyruvic acid peels for the treatment of photoaging. Dermatol Surg. 2004 Jan;30(1):32-6; discussion 36. 4. Cotellessa C, et al. The use of pyruvic acid in the treatment of acne. J Eur Acad Dermatol Venereol. 2004 May;18(3):275-8. 5. Zakopoulou N; Kontochristopoulos G. Superficial chemical peels. J Cosmet Dermatol. 2006 Sep;5(3):246-53. 6. Tosti A, Grimes P, Padova M. Color Atlas of Chemicals Peel, Second edition, Springer, 2012.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Categorias
Siga
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black Google+ Icon

Horário especial de atendimento

(durante o período de enfrentamento do

novo coronavírus)

Seg a sex das 9h às 18h

Sábado das 8h30min às 12h

ESTACIONAMENTO EMPORIUM

Rua Tereza Cristina, 270

Estreito - Florianópolis - SC